ALEX ANTUNES

A revista VERBO 21 traz este mês uma entrevista de Renato Pedrekal com o jornalista, músico, compositor, produtor, escritor, tradutor e putômano (?) Alex Antunes. Vai um trecho:

RP – Você presta tributo aos livros da sua juventude (Bukowski, Salinger,etc.)? O que lhe marcou mais profundamente na adolescência? Ou a influênciaé maior da música e da cultura pop?
Alex Antunes – Salinger com certeza – o tom ranzinza deve vir do Apanhador. Bukowski eu li depois, já adulto. Em relação a sexo, meu primeiro grande impacto foi o Jorge Amado de “Capitães da Areia” – o termo “carapinha do sexo” me assombra até hoje. E na adolescência tem ainda o Raymond Chandler, de quem eu absorvi a coisa da ética pessoal – é uma influência, mais do que na literatura, na vida mesmo. O cinema também me influencia – essa construção em camadas de realidade, por exemplo, é um troço que me entusiasma muito, em filmes como “Alucinações do Passado” ou “Amnésia”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s